terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Almerinda menina adolescente

Almerinda era pequena aos dez anos parecia que tinha seis e isso a entristecia, seus pais quase que de ano em ano tinham que mudar-se para outro sitio e na escola trocava a merenda que levava manga , laranjas por sanduiches de presunto que outras meninas de familias abastadas traziam.
Em casa brincava com seus irmãos que eram seis e inventavam todos os dias novas brincadeiras, pescavam nos rios que cercavam a propiedade.
Aos 14 anos foi com seu irmão Pedrinho para o sitio de sua irmã e seu cunhado então colocou os dois para trabalharem colhendo arroz com água até a cintura por diversos dia até que em uma madrugada acordou seu irmão e saíram a pé de volta para casa.
A familia dependia do trabalho braçal do pai, mas certo dia ao chegar da roça enfartou e morreu em casa na presença dos filhos e Almerinda triste pela perda do pai e angustiada por não ter um futuro promissor decide matar-se tomando veneno para rato mas a mão de Deus estava sobre ela sobrevivendo assim mas ficando com sequelas por toda a vida.
A familia se dividiu e almerinda foi trabalhar na casa de uma familia rica de Barra do Pírai como empregada doméstica aonde apaixonou-se por um Jovem loiro de olhos azuis que era filho do patrão sucunbindo assim aos seus cortejos e vivendo uma paixão caliente no quartinho de empregada.
Alguns meses depois descobriu que estava grávida pedindo assim a conta e saindo sem rumo em direção a um destino que não conhecia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário